Seguidores

quarta-feira, agosto 23, 2006

Defeito.

Meu pior defeito.

Procrastinar: deixar para o dia de amanhã; adiar; protelar; demorar; espaçar; deferir;

Foi em CCA que descobri que sou procrastinadora, até então sequer conhecia esta palavra. Foi fazendo um inventário moral que descobri muitas coisas a meu respeito, entre elas, a procrastinação.
Talvez lhe pareça estranho o que vou escrever agora, mas eu muitas vezes agradeço o fato de ser comedora compulsiva, foi através desta doença e por ter procurado ajuda que fiz esta descoberta; contando com o auxílio da minha madrinha no grupo, da literatura, do trabalho, das reuniões que vi renascer em mim uma nova pessoa.
Sei quais são minhas qualidades (e são muitas, rss) mas também reconheço os meus defeitos e tento trabalhar pra mudá-los, mas com certeza este é o pior: Procrastinar.
Não sei bem por que eu ajo desta forma, é algo inconsciente, quando eu percebo estou empurrando com a barriga meus afazeres, meus trabalhos manuais, minhas decisões.
Eu gasto tanto tempo pensando em que e como fazer as coisas que simplesmente a vida vai passando e eu não fiz nada.
Muitas vezes sei que faço isso por medo.
Medo do fracasso, do sucesso, da separação, da ligação, de mudanças.
Isso gera inúmeras conseqüências, várias do ponto de vista externo, perda financeira, perda de amizades, tensão familiar, mas as conseqüências internas são piores a meu ver: ansiedade, autocrítica, sensação de incompetência, cansaço físico.
Hoje os especialistas já começam a associar a angústia causada pela procrastinação à depressão.
Os procrastinadores têm mais chance de pegar gripe, já que os atrasos trazem consigo o estresse, tornando o corpo vulnerável.
Segundo o prof. Luiz Eugênio de Mello, os procrastinadores crônicos suportam altos níveis de ansiedade e por isso deixam as coisas pra última hora, e depois de realizá-las vem o alívio, e isso compensa. Quanto maior a angústia, maior o alívio, é um esquema análogo ao da dependência de drogas, eles entram num ciclo difícil de escapar.
Reconhecer um defeito é o primeiro passo para a mudança, sei que preciso trabalhar muito e não vou desistir até que obtenha bons resultados contra a procrastinação.
Quer saber mais?
Procrastination and Task Avoidance ( A procrastinação e o Adiamento de Tarefas)
Joseph Ferrari , prof. De psicologia da Universidade DePaul em Chicago.

Beijos , bom dia.

Nenhum comentário:

 
//