Seguidores

quinta-feira, agosto 14, 2008


Boa noite.
Meus filhos estão fazendo terapia e tem sido maravilhoso.
Ambos estão mais animados,alegres , mais seguros.
Sei que é um longo processo, mas já os vejo melhor.
Eu estou fazendo terapia por tabela, eu os acompanho e pelo menos uma vez por mês passo com cada uma delas.
Tem sido tão bom.
Como eu falo, como tenho coisas pra falar.
Uma delas costuma dizer que é muito fácil ser minha terapeuta, porque eu falo e eu mesma tenho as respostas pra meus dilemas, que sou muito sensível, inteligente, perspicaz, que consigo ter uma visão muito ampla das coisas e dos problemas, não fico só olhando pro meu umbigo.
Acho que isso é bom.
Eu estou passando por momentos importantes, estou a cada dia me conhecendo mais e mais, estou mergulhada em pensamentos,analisando minhas atitudes de hoje e do passado, vendo onde eu cheguei tomando cada uma delas, já sei muita coisa que não quero mais pra mim, sei algumas que quero.
Estou começando a dizer 'não' , isso sempre foi impossível para mim
Tem tanta coisa tão pequena acontecendo, nem conseguiria descrevê-las.
Estou mudando e isso definitivamente é bom. Mas, mudar dói. Ahh como dói.


Linda noite .
Beijos.


Outra coisa que dói? Saudade.
Machuca a gente ...

quarta-feira, agosto 13, 2008

Dúvida





Prudência ou covardia?

Eis a questão ...

sexta-feira, agosto 08, 2008

Xodó


Que falta eu sinto de um bem,
que falta me faz um xodó,
mas como eu não tenho ninguém,
eu levo a vida assim tão só ...

segunda-feira, agosto 04, 2008

Festa


Nesse final de semana algo realmente extraordinário aconteceu na minha família.
Conseguimos reunir meu pai numa festa de aniversário. Foi aniversário de três irmãos e dele também.
Meu irmão fez 26 anos e não tem lembrança nenhuma de ter passado um aniversário com ele.
Foi mesmo muito bom para todos nós, parece que todas as mágoas, as tristezas do passado foram esquecidas.
Glória a Deus por isso.
Obrigada mãe por ter permitido esse encontro em sua casa. Eu te amo mulher.
Linda noite .
Beijos

Dói


Nos útlimos dois anos já passei por isso umas três , talvez quatro vezes, e sempre dói tanto, parece que será o fim, não tem volta, mas dessa vez tá demais. Isso é horrível.
Já não tenho o que falar, nem sei o que pensar.
A única coisa que tenho pedido a Deus é que pare de doer.

domingo, agosto 03, 2008

Tanta



Tanta mudança.
Tanta coisa nova.
Tantas velhas, repetidas.
Tantas alegrias inusitadas.
Tantos prazeres descobertos
Tantas dores antigas.
Tanta vontade.
Tanto desejo reprimido.
Tanto medo.
Tanto choro.
Tantos beijos guardados.
Tanta coisa a ser dita.
Tantas pra ouvir.
Tantas interrogações.
Tanta saudade!
 
//